Esta fascinante filmagem mostra a beleza cintilante de uma das espécies de lulas transparentes do oceano. A lula de vidro, cujo nome científico é Taonius borealis, pode ser vista atravessando as águas escuras do fundo do mar. Seus órgãos internos podem ser vistos enquanto o corpo brilha. Além de ter uma glândula digestiva claramente visível, a lula de vidro mantém soluções de amônia no interior do corpo, ajudando-a a flutuar.

Publicidade

Encontrada nas profundezas escuras, a lula de vidro também possui cromatócitos que as fazem mudar de cor. A filmagem foi feita pela equipe no Navio de Exploração Nautilus nas águas do Quinalt Canyon perto de Washington, EUA.

Esta criatura de aparência estranha pode crescer até 50 cm (20 polegadas) de comprimento. Os jovens vivem em águas superficiais e depois vão para o fundo à medida que envelhecem e são comumente encontrados no Oceano Pacífico Norte.

Elas vivem em profundidades onde sua transparência torna-as difíceis de detectar.
Algumas espécies ainda vivem a dois quilômetros de profundidade e existem pelo menos 60 delas no total.

Acompanhe o Vídeo:

Fonte: [DailyMail]

Que tal contribuir com um ponto? 😉

0 pontos
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

CONTINUAR LENDO
Publicidade