Publicidade

Estas imagens apocalípticas e assustadoras parecem até parte do cenário de “The Walking Dead”, mas na verdade são fotos registradas de um dos maiores cemitérios de carros do mundo – o Cemitério de Carros de Chatillion, na Bélgica. Alguns deles datam todo até os anos quarenta, no meio da segunda guerra mundial, pertencendo a soldados dos EUA que estavam estacionados nesta região.

Publicidade

Não se sabe como eles conseguiram comprar esses carros no meio da guerra. Quando a guerra terminou, todas as tropas militares foram enviadas de volta aos EUA, mas o custo de levar os carros junto era muito caro. Então eles decidiram deixá-los na Bélgica.

Os carros foram conduzidos em uma colina acima, um por um, estacionados e de certa forma escondidos do mundo exterior. Mais tarde, pessoas da região também abandonaram seus próprios carros antigos no local. Em certo ponto, havia quatro cemitérios de carros em torno da aldeia de Chatillon com até 500 veículos. Os que permanecem hoje são apenas uma fração da quantidade original de carros, constituindo principalmente de partes. Muitos carros e suas peças foram roubadas por locais e colecionadores de carros internacionais.

É fascinante ver como a natureza absorveu os carros e os tornou parte da paisagem. Ao longo do tempo, a corrosão e a deterioração desgastaram os veículos tornando um local único para fotógrafos e cineastas. Em 2009, a maioria dos carros foram removidos da área em uma tentativa de limpar o lugar. Em 2014, a localização foi usada para um filme de terror belga, “Welp”, sobre um grupo de pessoas que se perdeu na floresta e são perseguidas por um assassino em série e seu filho que moravam no cemitério de carros.

Veja só a coleção de fotos a seguir:

Você teria coragem de andar por esse local à noite? Assustador, não é mesmo?

Fonte: Wander Out

Publicidade

Leave your vote

-1 points
Upvote Downvote

Total votes: 1

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 1

Downvotes percentage: 100.000000%

CONTINUAR LENDO
Publicidade
Carregando...