Publicidade

A cidade romana de Baiae já foi muito importante para sua cultura. Mais de 1.700 anos depois, as belezas dessa linda cidade são mostradas. Tendo perdido para as forças da natureza e agora estando bem abaixo das ondas, ainda assim conseguiu manter sua beleza. E essas fotografias deslumbrantes feitas pelo fotógrafo italiano Antonio Busiello fornecem um vislumbre raro desta cidade uma vez próspera.

Publicidade

Com o fim da república romana e a ascensão do Império Romano, a cidade de Baiae se tornou a queridinha dos mega-ricos, e onde os imperadores e as elites chegaram ao topo de suas riquezas.

A bela cidade apresentava ruas de paralelepípedos, mosaicos, estátuas, spas e até as luxuosas villas de Júlio César e do Imperador Nero. Ela também foi o lar de inúmeros templos dedicados a Mercúrio, Vênus e Diana. E hoje suas ruínas tornaram-se um refúgio para a vida marinha.

Como testemunho de sua riqueza, os cientistas descobriram recentemente que as villas de Baiae foram construídas usando o melhor mármore branco expedido de pedreiras em toda a Itália, Turquia e Grécia.

A cidade afundada fica no fundo do Golfo de Nápoles, e a 15 km de distância do golfo da costa sudoeste da Itália. A cidade tornou-se submersa na baía após séculos de atividade sísmica e atividade vulcânica. Isso por que a cidade estava muito perto do Monte Vesúvio, o vulcão infame que destruiu as cidades de Pompéia e Herculano em 79 DC com uma das erupções vulcânicas mais catastróficas da história européia. Esta atividade vulcânica, no entanto, proporcionou à cidade energia geotérmica suficiente para aquecer suas águas e banhos de spa.

Em 2014, houve grandes inundações ao sul de Nápoles, causando uma série de deslizamentos de terra para expor porções das antigas muralhas romanas de Baiae. No entanto, no geral, as ruínas da cidade permanecem evasivas e misteriosas.

Os arqueólogos marinhos também descobriram recentemente  uma cidade romana há muito perdida nas águas do nordeste da Tunísia, no mar Mediterrâneo. Em suas expedições de mergulho, a equipe encontrou numerosos monumentos romanos. Tal como Baiae, esta cidade também foi destruída por forças da natureza e atividades sísmicas.

Surpreendente não acharam:

Publicidade

Leave your vote

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 2

Upvotes: 1

Upvotes percentage: 50.000000%

Downvotes: 1

Downvotes percentage: 50.000000%

CONTINUAR LENDO
Publicidade
Carregando...